Na Aruanda

É na Aruanda aê
É na Aruanda

Venho de longe, terra dos meus ancestrais
Eu fui aconrrentado pra lá não voltar mais
Numa casa de madeira, um tumbar flutuante sobre o mar
Assim eu fui trazido ao Brasil pra trabalhar

É na Aruanda
É na Aruanda aê
É na Aruanda
É na Aruanda aê

E na linguagem jeji, congagola e nagô
Veio o povo bamtuque que no Brasil chegou
Com sua cultura, sua história, seu axé
Os mistérios ancestrais e a força do camdoblé

É na Aruanda
É na Aruanda aê
É na Aruanda
É na Aruanda aê

Questa voce è stata pubblicata in Na Aruanda e contrassegnata con , . Contrassegna il permalink.

Lascia un commento

Inserisci i tuoi dati qui sotto o clicca su un'icona per effettuare l'accesso:

Logo WordPress.com

Stai commentando usando il tuo account WordPress.com. Chiudi sessione / Modifica )

Foto Twitter

Stai commentando usando il tuo account Twitter. Chiudi sessione / Modifica )

Foto di Facebook

Stai commentando usando il tuo account Facebook. Chiudi sessione / Modifica )

Google+ photo

Stai commentando usando il tuo account Google+. Chiudi sessione / Modifica )

Connessione a %s...