Porque será

Porque será, porque será
Que hoje o negro não veio trabalhar
Porque será, porque será (coro)
Que hoje o negro não veio trabalhar (coro)

Já correu notícia,
houve morte em Palmares
Morreu o negro, chamado Gangazumba
Já correu notícia,
houve morte em Palmares
Mataram o negro, chamado Gangazumba

coro 2x

Naquele tempo, não existía a princesa
Não havia pão na mesa
Só tinha o canavial
Era o suor, era o sangue derramado
Era o trabalho do negro
Dia e noite sem parar

(coro) 2x

E hoje em dia
depois o canavial
vem o relógio de ponto
que não para de marcar
Se o negro tá doente
e não consegue chegar
O patrão ou sinhozinho
já começa reclamar
Porque será

(coro) 2x