O farol

Mas o farol
ilumina o mar da vida
me mostrando a saída
e o caminho de voltar

coro

Ele me guia
me livrando do perigo
me mostrando um bom abrigo
me diz poronde passar

mostra os rochedos
as armadilhas do mar
se você respeita o medo
nele pode acreditar

coro

mas o farol

coro

na maré alta
balançou barco no mar
se segura marinheiro
que o barco pode virar

navio negreiro
perdido na escuridão
pulso forte no timão
pra quem sabe navegar

coro

mas o farol

coro

se estas perdido
não sabendo se encontrar
siga o rumo das estrelas
elas vão te iluminar

procure a luz
ela mostrará o caminho
aprendi dês de menino
sei que posso confiar

coro

mas o farol

coro

Annunci

Embala José

Embala José, embala
Que a senhora logo vem
foi lavar seu cueirinho
no riacho de belém

coro

ô senhora Santa Ana
protejei a minha filha
verdes olhos de beleza
olha só que maravilha

coro

foi embala

coro

Veja só essa menina
já não dome mais na cama
ela dome do terraço
da senhora Santa Ana

coro

foi embala

coro

As rosas da tua casa
sao vermelhas de virtude
doente passei por elas
logo me deram saúde

coro

foi embala

coro

Oi o negro mandingueiro
libertou o meu irmão
me livrou do cativeiro
me deu paz no coração

coro

foi embala

coro

foi embala

coro

Desata o Nó

Desata o Nó, Desata o Nó – coro
ginga amarrada moço, desata o nó
coro
oi solta o jogo garoto, desata o nó
coro
se embolou no jogo, desata o nó
coro
solta a mandinga ai, desata o nó
coro
mostra a malicia do jogo, desata o nó
coro
tá apertado moço, desata o nó
coro
libera o jogo garoto, desata o nó
coro
o jogo amarrado moço, desata o nó
coro
relaxa o corpo garoto, desata o nó
coro
falta a mandinga ai, desata o nó
coro
Desata o Nó do jogo, Desata o Nó
coro
jogo amarrado moço, desata o nó
coro
relaxa o corpo, libera, desata o nó
coro
vai começar de novo, desata o nó
coro

O que é uma ladainha

O que é uma ladainha
uma forma de oração
é o lamento de um guerreiro
uma simples louvação

A historia de uma vida
que nos traz uma lição
uma amizade perdida
canto de lamentação

pode ser uma lembrança
homenagem a quem morreu
bons momentos de infância
um amor que se perdeu

é cançâo de sentimentos
lembranças de valentia
capoeiras do passado
grandes mestres da bahia

na verdade o que interessa
é a gente relembrar
e manter a chama acesa
pra ela nunca se acabar

iê viva meu deus
iê viva meu deus camará
iê viva seu bimba
iê viva seu bimba camará
iê viva pastinha
iê viva pastinha camará
iê seu waldemar
iê seu waldemar camará
iê viva meu deus
iê viva meu deus camará
iê vamos jogar
iê vamos jogar camará

Africa ê

Sou negro banto,
CORO:Africa ê
de todo canto,
coro
negro malê,
coro
povo jejê,
coro

iê obaluaê,
coro
iê povo mugunjê,
coro
iê obaluaê,
coro
iê povo mugunjê,
coro

Sou negro mina,
coro
povo cabinda,
coro
sou cantador,
coro
tenho valor,
coro

Eu sou nagô,
coro
iê morio,
coro
Eu sou nagô,
coro
iê morio,
coro

Eu sou guerreiro,
coro
sou brasileiro,
coro
o mandingueiro,
coro
me abençou,
coro

Povo de angola ê,
coro
sou capoeira ê,
coro
Povo de angola ê,
coro
sou capoeira ê,
coro

Negro banto

O negro banto
que lamento é esse
é um canto negro
que veio do mar

CORO:
O negro banto
que lamento é esse
é um canto negro
que veio do mar

O negro banto
que lamento é esse
é um canto negro
que veio do mar

CORO

Nascei guerreiro
eu lutava pela terra
e no meio dessa guerra
o inimigo me pegou

Eu fui vendido
pela minha própria cor
para um nobre pescador mar
que pra longe me levou

O negro banto
que lamento é esse
é um canto negro
que veio do mar

CORO

O negro banto
que lamento é esse
é um canto negro
que veio do mar

CORO

Eu canto a morte
canto a vida prometida
a chegada e a partida
de quem nunca ai voltar

canto o lamento
de um dia ser criança
e não ter a esperança
de amanha lhe encontrar

O negro banto
que lamento é esse
é um canto negro
que veio do mar

CORO

O negro banto
que lamento é esse
é um canto negro
que veio do mar

CORO

Lua crescente

Eu vi a Lua crescente
vi o Sol beijar o Mar
e uma Estrela cadente
fez o Céu iluminar

A Morena era bonita
e Eu não pude resistir
Como folha no Outono
vi um Guerreiro Cair

O meu peito amargurado
e nem sei onde eu errei
será que o meu pecado
foi amar a quem amei

Me pediu pra ser Valente
ser um Grande Lutador
Me entregar de corpo inteiro
numa causa de valor

mas minha vida é uma sina
luto por libertação
uma historia tão sofrida
libertar uma nação

Se minha pele é diferente
meu sangue é da mesma cor
eu Sou filho dessa gente
que lutou por seu valor

ai, ai, meu deus
capoeira me benzeu
ai, ai, meu deus (coro)
e a volta que o mundo deu
coro
mano vem jogar mais eu
coro
grande e pequeno sou eu
coro